06/04/2011 Marcinha 4Comentário(s)

 

“Conheci o Maicon em Madrid…

Nessa época morava lá a 3 anos e ele a 1 ano.

Sentia muita saudade do Brasil e costumava ir  a uma festa brasileira nos domingos, ele não era muito de sair mas neste domingo chuvoso resolveu acompanhar os amigos.
Eu estava com uma amiga Francesa que adorava festas, caipirinhas, samba,coxinha rsrs, parecia mais uma “brasileirinha”, muito animada e pra cima…

Eu estava muito desanimada nessa noite, triste mesmo, quando vimos aquele rapaz entrar ( nunca tínhamos visto ele ali, estava bem arrumado, tinha uma boa pinta )  achei bem interessante, mas fiquei na minha, ela logo tratou de ser a cupido da história e arrumou uma forma de me apresentar a ele,já tinha bebido algumas então era tudo mais fácil pra ela.
Naquele noite eu e Maicon dançamos, trocamos telefone, mas  eu não tinha interesse de me envolver com ninguém e não imaginava no que isso ia dar.
Maicon me ligou a semana toda, conversamos por horas, como se fossemos amigos de anos,dava até pra sentir saudade quando ele não ligava rs, Um dia ele me convidou para ir ao cinema , ver um filme que por sinal era HORRIVEL!!, E ai ..nos beijamos !

Quando saímos do cinema ele veio se declarando falando que queria namorar comigo, e que eu era a menina perfeita pra ele e bla bla bla, eu que não queria me envolver com ninguém e estava muito acostumada com minha vida de solteirice, neguei insistentemente, e coloquei mil empecilhos para tirar a idéia da cabeça dele, afinal colocar dentro dela que esse namoro não ia dar certo, mas ele foi muito convincente e me acabou me convencendo.

O amor foi nascendo e crescendo aos poucos, e quando me dei conta estava totalmente apaixonada por ele, cada dia ele me mostrava ser uma pessoa tão especial, tão diferente de tudo que já tinha visto e fui amando ele como nunca tinha amado ninguém na minha vida, Ficávamos o tempo todo juntos, dividíamos tudo,dores e alegrias éramos inseparáveis, melhores amigos companheiros, eu era a família dele naquele país estranho e ele era a minha, só tínhamos um ao outro e mais ninguém.

Até que o destino cruel nos separou, Maicon teve que voltar para o Brasil, já tínhamos 2 anos de namoro e muitos laços ..Eu tive que ficar para concluir minha faculdade.

Ele voltou, e minha Irma ao mesmo tempo me chamou para passar um temporada com ela,meu cunhado e meu sobrinho no Canadá, pensei que o tempo me faria esquecer ele, mas ele estava dentro de mim tatuado como uma tatuagem, eu tinha perdido o chão e minha vida estava sem cor.

Quando voltei para Madrid, pude me deparar com todas as lembranças dele por perto, isto fez o teto desabar na minha cabeça, entrei em uma tristeza profunda, mas a distância complicava muito e nós terminamos.

Se passaram 5 meses e meio e eu  estava com possibilidade de aplicar meu currículo para empresas Espanholas,meu pai estava me dando total apoio, inclusive caso essas empresas não me contratassem de primeira, além disso meu contrato do apartamento  já estava vencendo e tinha que renovar por mais 1 ano ou sair, precisava mudar meu visto para cidadã européia e deixar de estudante, em fim tinha que tomar decisões a longo prazo da minha vida, se fosse continuar morando lá e deveria mudar tudo, renovar o contrato do apartamento, mudar a papelada do visto, iria abrir a minha empresa ou trabalhar em alguma empresa OU voltar .. Como assim voltar??? Até agora não comentei com vc, mas passava pela minha cabeça voltar, afinal não tinha esquecido esse grande amor e por mais que o tempo passasse nada fazia apagar. Minha Irma me convidou para fazer uma pós graduação  em Vancouver e por outro lado tinha a minha vida na Espanha.

Entreguei tudo que tinha e o que não tinha ainda nas mãos de Deus e pedi direção a Ele !

Sem Ele não saberia que caminho tomar, queria o melhor para mim e a vontade Dele, e não tomar minhas próprias decisões pela minha vontade e sim pela vontade de Deus.

Resumindo, larguei tudo! Deixei o apartamaneto e em 1 mês tive que desalojar, deixei meus benefícios europeus por ter morado tanto tempo na Europa pra lá, vendi todas as minhas coisas em um grande bazar e muitas trouxe de navio,e  outras doei para pessoas e instituições, Outras coisas  tive que deixar até no aeroporto.

Viajei com 5 malas e 400 kg de navio rumo a um pais que por mais que fosse o meu país Natal, não tinha nenhuma conquista e teria que começar do zero isso me amedrontava ,ainda por cima iria morar em outro estado e cidade que nem conhecia  e iria entrar em uma família que nem sabia os nomes direito.

Estar com o meu amor novamente me fez ter certeza que fiz a escolha certa, ele é o homem da minha vida, até o nosso casamento se passaram ainda 7 meses, olha que provação! Totalizando 1 ano e meio sem se ver e conviver como antes (ficamos 5 meses e meio separados antes), Como os preparativos eram no Rio e ele morava em Florianópolis nos víamos de 2 em 2 meses, tudo foi muito difícil, mas conseguimos e vencemos! Agora estamos juntos e com a uma vida enorme pela frente para vivermos juntinhos e nunca mais o destino vai brincar de separar a gente, porque o que tem que ser será, e não adianta a distancia, o tempo, os acontecimento, o que  tiver que ser seu assim será!”

Gabriela Hebert

4 comentários em “Gabi e Maicon

  1. lindooooooooooo!!!Fizemos parte dessa história de amor aqui na Espanha, e realmente Gabi e Maicon passaram por muitas coisas, mas o amor deles foi maior e venceu barreiras;

    Felicidades a vcs!

    Clau e Daniel

    1. Que lindo ler isso desse casal tao querido nosso.__Passamos por tantas coisas juntos na Espanha,nós 4 sempre estávamos juntos sempre,e vcs mais do que ninguém poderam testemunhar nosso amor,muito lindo ver seu comentario.__beijos__Gabi

  2. Ah Marcinha, é impossivel negar como minha história mexe comigo rs,me emociono sempre… lendo ela fico lembrando de tudo novamente, como se fosse um flash back, sao tantas coisas que passamos,que vivi. Fico muito feliz de poder compartilhar no seu blog um pouquinho disso tudo, afinal mostra a muita gente que nao que nao existe barreiras nem fronteiras para um verdadeiro amor.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.